quinta-feira, 14 de maio de 2009


AULA DE TEAR DE MIÇANGA 03

Materiais


  • miçangas
  • vidrilho japonês
  • 1 conta média para o fecho
  • fio de nylon 0,20
  • agulha
  • tesoura

    Abreviações

  • V = Vidrilho
  • M = Miçanga
  • As primeiras carreiras são um pouco desajeitadas,
    mas à medida em que o trabalho progride
    vai se formando um tecido consistente e fácil de manusear.
  • Faça a terceira carreira cuidadosamente,
    pois a primeira e segunda carreiras ficam um pouco torcidas.
  • Confira o trabalho com freqüência.
    Atenção especial às bordas:
    são 3 miçangas - 1 vidrilho.
  • Para que a malha fique regular
    mantenha sempre a mesma tensão da linha.
  • Para acrescentar nova linha:
    coloque uma conta de âncora deixando cerca de
    30 cm de linha para arrematar depois.
    Refaça a última carreira e
    retome o trabalho no ponto onde parou.
  • Arremate as linhas caminhando em zig-zag
    até ter certeza de que estão bem firmes.
    Espalhe alguns nós cuidadosamente.
    Atenção para não deformar o bracelete.

    1.
    Corte 1,50 m de fio de nylon.
    Deixe cerca de 30 cm no início,
    para fazer depois a alça do fecho.
    Prenda a conta de âncora.
    Acompanhe o diagrama:

    • 1ª carreira:
      1 M - 1 V (repita mais 6 vezes) - 4 M - 1 V -
      virar
    • início da 2ª carreira:
      prender na primeira miçanga
      depois do segundo V a partir da agulha.

    2.
    Continuando a 2ª carreira:
    coloque na agulha 1 V - 1 M - 1 V
    e prenda na segunda miçanga da carreira anterior.

    3.
    Finalizando a 2ª carreira:
    1 V - 1 M - 1 V -
    prenda na última miçanga -
    virar.

    4.
    Início da 3ª carreira:
    3 M - 1 V - prender na primeira M
    entre dois V da carreira anterior.
    Daqui para a frente, todo início de carreira é igual.

    5.
    Exceto no início das carreiras,
    você sempre colocará na agulha
    1 V - 1 M - 1 V.

    6.
    Final de carreira:
    1 V - 1 M - 1 V,
    prender na primeira miçanga da borda.
    Continue o trabalho até atingir o comprimento desejado.

    7.
    A conta do fecho é coberta com miçangas.
    Para ficar perfeita
    vá diminuindo o número de miçangas nas carreiras,
    até que esteja totalmente coberta.

    8.
    A conta do fecho está pronta.

    9.
    Alça do fecho.
    Ajuste ao tamanho da conta do fecho.

    10.
    Brinque com as cores.
    Você fará braceletes maravilhosos!

  • 3 comentários:

    1. Oi, Edi. Aqui é a Yumi, sua colega do curso do SERT. A pulseira é linda e parece bem fácil de fazer. Muito legal mesmo. Vou tentar!!! (queria aprender mesmo a fazer bijus). Vc tem mais receitas?

      ResponderExcluir
    2. Boa noite
      gostaria de saber se esta pulseira pode fazer a mão sem o tear?

      ResponderExcluir
    3. Olá, gostaria de saber se ensinas á fazer tear, se tens dvd,qual é o valor, grata email: maguidafa@hotmail.com

      ResponderExcluir